quinta-feira, abril 27, 2017

Z80 na Protoboard: Rom e Z80

Hora de colocar o Z80 para trabalhar! Com os circuitos de apoio prontos, faltava somente conectar a memória Rom e acertar alguns sinais adicionais do Z80.


terça-feira, abril 25, 2017

Z80 na Protoboard: Decodificação de Endereços

Estamos nos aproximando do ponto em vamos conectar uma memória ao Z80. Antes disto precisamos definir o nosso mapeamento de memória e como vamos decodificar os endereços e sinais de controle para acionar os diversos componentes.

Estamos quase lá

sexta-feira, abril 21, 2017

Z80 na Protoboard: Display de Endereços e Dados

Dada a finalidade didática da minha montagem, quero ser capaz de ver em LEDs o conteúdo dos barramentos de endereço e dados.

Quantidade de fios aumentando

quarta-feira, abril 19, 2017

Z80 na Protoboard: Reset

Nos microcontroladores modernos, estamos acostumados a ligar o pino de reset (ativo com nível baixo) a um resistor de pullup e esquecer. Se quisermos um reset sem desligar a alimentação, colocamos um botão  entro o pino e terra. Com o Z80 é recomendado algo mais sofisticado.

Mais uns fios e componentes conectados

quinta-feira, abril 13, 2017

Z80 na Protoboard: Clock

Como parte dos meus estudos sobre o microprocessador Z80 resolvi fazer uma montagem simples em protoboard. Esta série de posts vai descrever passo a passo esta montagem. Vamos começar com o circuito de clock.

Protoboard com os CIs espetados, mas ainda não conectados

terça-feira, abril 11, 2017

Mais uma Memória Não Volátil: W27E512

Seguindo no estudo de memórias não voláteis, um post rápido sobre a memória W27E512 da Winbond.


terça-feira, abril 04, 2017

Testes com a EEProm X24HC64

Só para documentar, fiz  experiências rápidas com a EEProm X24HC64 da Xicor.

O primeiro teste foi ligando a um Arduino Mega, usando a mesma montagem e software que usei com a AT28C64B da Atmel. Tudo funcionou como esperado: leitura, escrita byte a byte, escrita em página (tanto de 32 como 64 bytes), proteção e desproteção. Como também esperado, o comando "semi-secreto" de apagamento da Atmel não funcionou.

O segundo teste foi com o programador TL866, selecionando X28C64. As operações de leitura e escrita funcionaram corretamente, assim como as opções de proteger e desproteger.

As conclusões são que a AT28C64B tem um bug na escrita de 64 bytes no modo página e que os problemas que eu tive anteriormente com a X28C64 foram erro meu na operação do software (culminando com torrar as memórias selecionando modelos que usam 12V para o apagamento).